17
março
10:00 — 13:00

R. dos Agrimensores, 1461

Cotia, São Paulo Brasil
R$65
Carregando Eventos
  • Este evento já passou.

No dia 17/03 (dom) Lama Tsering concederá a iniciação de Tara Vermelha para todos aqueles que desejam se aprofundar no caminho budista.

A iniciação é uma cerimônia na qual o mestre autoriza o aluno a se empenhar na meditação vajraiana, transmitindo a ele as bênçãos da linhagem de uma determinada prática.

É dito que receber iniciação de um lama realizado – e renovar esse compromisso, ao receber a iniciação muitas vezes – planta em nossa mente as sementes para a iluminação, criando as causas para revelarmos nossa verdadeira natureza.

As inscrições on line para este evento foram encerradas, mas ainda é possível se inscrever pessoalmente no dia do evento das 7h às 9h.


Detalhes

Data:
17/03
Hora:
10:00 - 13:00
Preço:
R$65
Categorias de Evento:
,
Organizador:
Odsal Ling
Telefone:
11 4703-4099
E-mail:
eventos@odsalling.org

Próximos eventos

Retiro de Ngöndro, com Lama Tsering

Dia 24/08, sábado, Lama Tsering dará continuidade aos ensinamentos sobre o Ngöndro, a fundação de toda a prática budista vajraiana. Para participar é necessário ter feito o retiro de Ngöndro de julho ou ter recebido instruções de sobre a prática anteriormente.

Drubchöd de Tara Vermelha, com oferenda de 100.000 Tsogs

Seguindo a tradição anual do Odsal Ling, realizaremos o Drubchöd de Tara Vermelha com oferenda de 100.000 Tsogs em outubro. O Drubchöd possui cerimônias e oferendas tão elaboradas quanto as de um Drubchen, porém concentradas em um período menor. Lama Tsering será a mestre vajra.
11
outubro
20:00 — 22:00
Saiba +

Iniciação de Tara Vermelha

Esta iniciação confere ao aluno as bênçãos da linhagem e a permissão para fazer a prática de meditação de Tara, revelada por Apong Terton e trazida até nós por Chagdud Rinpoche.

Retiro de Ioga dos sonhos, com Lama Tsering

“Possa eu reconhecer todas as experiências como sendo tão insubstanciais quanto o tecido do sonho durante a noite, e imediatamente despertar para perceber a manifestação de sabedoria pura no surgir de cada fenômeno.” (Sadana de Tara Vermelha)